19 julho 2022

O que o mobiliário diz sobre o seu escritório?

Mobiliários
O que o mobiliário diz sobre o seu escritório?

Ergonomia é fundamental para garantir a saúde dos colaboradores, mas é possível ir além, relacionando o mobiliário com cores e valores definidos pela organização

Com a escolha de um novo escritório, seguindo os cuidados necessários para a locação de uma sala comercial ou de uma laje corporativa, começa-se a pensar na decoração deste espaço, em especial o mobiliário. Beleza é importante? Sem dúvida alguma! Mas há outros fatores que devem ser pesados antes de partir para esse investimento, em especial a funcionalidade e o conforto.

A decoração é um aspecto fundamental para muitos clientes e, neste processo, existem diversas opções de mobiliário disponível no mercado: cores, acabamentos, tamanhos e preços. É possível encontrar itens para todos os perfis e gostos sem dificuldade. Mesmo organizações que terceirizam a decoração costumam participar dessa etapa, dando indicações daquilo que desejam.

Um colaborador passa horas em sequência dentro de um escritório – muitas vezes, mais tempo no trabalho do que em suas próprias casas. Por isso, a preocupação inicial deve ser com a compra de mobiliários ergonômicos, funcionais e confortáveis. Encontrar itens que se alinhem a essa necessidade, auxiliando a encarar o estresse da rotina diária.

A escolha de um mobiliário ergonômico mostra a preocupação com a saúde dos colaboradores. Não sentir dor nas costas, pescoço, pernas e outros incômodos ao longo do dia facilita no desenvolvimento das atividades, na criatividade e na produtividade – assim como ter um ambiente sem ruídos

A preocupação deve ser grande com a qualidade e conforto das cadeiras e o tamanho das mesas individuais, especialmente pelo tempo que os colaboradores passam em frente ao computador. Sua postura e a repetição de movimentos podem levar a problemas de saúde, facilmente evitáveis com a escolha de um mobiliário adequado e uma rotina bem estruturada, com pausas, alongamentos e exercícios.

O que é ergonomia?

A ergonomia conta com uma norma regulamentadora (nº 17), que visa estabelecer “parâmetros para permitir a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores”. Essa regra é estabelecida pelo Ministério do Trabalho e Emprego com o propósito de “proporcionar conforto, segurança, saúde e desempenho eficiente no trabalho”.

A norma não estabelece apenas cuidados relacionados aos empregados que atuam em escritórios, mas também em outras atividades, caso de “levantamento, transporte e descarga de materiais, ao mobiliário dos postos de trabalho, ao trabalho com máquinas, equipamentos e ferramentas manuais, às condições de conforto no ambiente de trabalho e à própria organização do trabalho”.

Portanto, as escolhas do mobiliário da empresa devem seguir as exigências e parâmetros definidos por essa norma. Além do compliance, a ergonomia reflete na produtividade e bem-estar dos colaboradores, reduzindo afastamentos e o absenteísmo. Alguns cuidados adicionais:

Mesas – Devem ter altura, largura e profundidade adequadas para a visualização e operação do trabalho.

Cadeiras – É preciso que sejam ajustáveis (permitindo a adequação para a estatura de cada pessoa) e com encostos adequados. Os encostos para pés podem ser necessários e recomendados em muitos casos.

Equipamentos e monitores – Precisam ter mobilidade para que sejam ajustados, na altura e iluminação. Acessórios como telefones precisam ser de fácil acesso e uso.

Cuidados na escolha do mobiliário

Com toda a preocupação com a saúde e desempenho dos colaboradores, é possível ter sucesso em uma decoração que também reflita o perfil da organização:

A cara da empresa – Cada organização tem uma cultura e identidade distinta. Isso está exposto na forma como trabalha, nas cores de sua logo e em seus fluxos de trabalho. Por isso, a escolha de materiais e de cores deve ser alinhada ao perfil de negócio – de preferência, leves e que incentivem a produtividade e a criatividade.

Custo-benefício – É recomendável que o mobiliário empresarial seja pensado para um médio prazo. Trata-se de um investimento feito pela companhia e que deve ter um prazo de validade. Por isso, sugere-se que haja avaliação da durabilidade do mobiliário, evitando novas compras antes do que seria o necessário.

Necessidade – Muitas empresas optam por espaços mais descontraídos para quebrar a rotina. Eles são importantes em um escritório, mas esse planejamento precisa ser bem executado, a fim de não interferir no dia a dia dos colaboradores. Por vezes, é melhor ter um espaço de trabalho menos sisudo, que traga uma nova dinâmica, do que espalhar pufes e sofás em salas.

Tendências de futuro – A dinâmica de trabalho híbrido e home office modificou o espaço de muitos escritórios, que não necessitam de todos os seus colaboradores presentes ao mesmo tempo. Na hora de escolher o mobiliário, vale pensar em ambientes específicos para as pessoas que não estarão lá todos os dias, mas devem se sentir acolhidas quando estiverem no ambiente empresarial.

Adaptação e otimização do espaço – Com o apoio de um arquiteto ou de um escritório especializado, é possível ter sucesso em estruturar o mobiliário dentro de todas as demandas do negócio.

O mobiliário e a decoração são importantes para muitas empresas pelos valores que transmitem aos clientes, fornecedores e colaboradores. Além disso, podem ressaltar cores e aspectos considerados importantes pela organização.

(Imagens: Pexels)

Posts Relacionados

Work-life balance: saiba a importância de se ter
17 junho 2024

Work-life balance: saiba a importância de se ter

Termo em inglês se refere ao equilíbrio entre o trabalho e a vida pessoal para os colaboradores de empresas,...

LEIA MAIS Seta
Como será o mercado de trabalho em 2030?
10 junho 2024

Como será o mercado de trabalho em 2030?

Listamos 7 características que devem ser importantes para as profissionais atraírem o olhar das empresas, considerando a evolução da...

LEIA MAIS Seta
Como montar um escritório confortável e eficiente?
03 junho 2024

Como montar um escritório confortável e eficiente?

Um escritório confortável deve ser focado na produtividade e no bom rendimento dos colaboradores, sem deixar de lado a...

LEIA MAIS Seta

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você estará de acordo com as condições.